Atividades exclusivas: serviços universitários em sessões de Como eu faço/como eu trato!

As sessões de Como eu faço/Como eu trato do Congresso Brasileiro de Psiquiatria – CBP já são sucesso de atualização científica e presença do público! Em 2018, no XXXVI CBP, um formato exclusivo e inédito é apresentado para este tipo de atividade: a participação dos serviços universitários.

Entre os dias 17 a 20 de outubro, em Brasília, o congressista do CBP poderá assistir a atividades que abordam o tratamento de transtornos psiquiátricos com a experiência de professores vinculados aos serviços de ambulatórios universitários mais famosos do país.

Hospitais vinculadas a instituições como a Universidade de São Paulo – USP, Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS e Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP já estão confirmadas na programação científica do XXXV CBP. Além de representantes nacionais, uma instituição em especial representará os Estados Unidos nas sessões de Como eu trato. A University of Texas Health – UTHealth, sediada na cidade de Houston, também estará presente nas discussões.

Confira abaixo a relação das sessões de Como eu faço/Como eu trato dos serviços universitários. Para saber sobre as demais sessões desta atividade, acesse aqui a lista completa.

Como tratamos doenças graves ultra-refratárias com modulação farmacológica – Infusões (Ambulatório de Neuromodulação – HCPA-UFRGS)
Palestrantes: Paulo Belmonte de Abreu (RS) e Marcelo Basso de Sousa (RS)

Como eu trato transtorno de humor no UTHEALTH Mood Center
Palestrante: Jair C. Soares (USA)

Como tratamos depressão resistente no ADERE/PRODAF – Ambulatório de depressão resistente do programa de doenças afetivas da UNIFESP Uma experiência assistencial com TDCS, ECT e novos tratamentos
Palestrantes: Acioly Lacerda (SP), José Alberto Del Porto (SP) e Luciana Maria Sarin (SP)

Como tratamos o primeiro episódio psicótico no PROESQ – UNIFESP
Palestrantes: Ary Gadelha (SP) e Cristiano Noto (SP)

Como tratamos esquizofrenia refratária no PROJESQ-USP
Palestrantes: Hélio Elkis (SP) e Mário Louzã (SP)

Como tratamos autismo infantil no ambulatório de neuropsiquiatria da Santa Casa do Rio de Janeiro
Palestrantes: Fabio Barbirato (RJ) e Gabriela Dias (RJ)

Como tratamos casos difíceis na dependência química – UNIAD
Palestrante: Ronaldo Laranjeira (SP)

Como fazemos diagnóstico e acompanhamento de transgênero no PROSEX
Palestrantes: Carmita Abdo (SP) , Roberta Torres (SP), Renata Corrêa-Ribeiro (DF) e Flávia Glina (SP)

Como tratamos transtorno de pânico casos leves, moderados e graves no Laboratório de Pânico & Respiração da UFRJ
Palestrante: Antonio Egídio Nardi (RJ)

Como eu faço ECT no NUFOR-IPq-FMUSP
Palestrante: Sergio Paulo Rigonatti (SP)

 

Comments are closed.