Bruce N. Cuthbert, Ph.D.

CuthbertResumo Biográfico

Bruce N. Cuthbert é o diretor interino para o Instituto Nacional de Saúde Mental (National Institute of Mental Health – NIMH), a Agência Federal Americana líder na pesquisa sobre doença mental, com um orçamento de US $ 1,4 bilhões e uma equipe de mais de 1.000 pessoas. A NIMH busca transformar a compreensão e o tratamento de doenças mentais, através da pesquisa básica e clínica, pavimentando o caminho para a prevenção, recuperação e cura. Antes desta nomeação Dr. Cuthbert serviu como diretor adjunto interino e liderou a iniciativa de critério de domínio de investigação do NIMH (Research Domain Criteria – RDoC) destinado a desenvolver uma abordagem multidimensional para o estudo e compreensão de transtornos mentais, usando mecanismos comportamentais e neurobiológicos. Dr. Cuthbert também serviu como diretor da Division of Adult Translational Research do NIMH de 2009 a 2014 dedicando seus esforços em tempo integral para a realização do RDoC. Antigo membro da equipe do Extramural Program da NIMH 1998 a 2005, o Dr. Cuthbert serviu como chefe do Emotion Process Program, chefe do Behavioral Regulation Program e chefe do Adult Psychopathology and Prevention Research Branch.

Ele deixou o NIMH em 2005 para juntar-se à Universidade de Minnesota como professor de Psicologia Clínica, retornando ao NIMH em 2009 para assumir a coordenação do RDoC. Dr. Bruce Cuthbert obteve tanto seu BA (com honras) e Ph.D. pela Universidade de Wisconsin – Madison, em Psicologia e Psicologia Clínica, respectivamente.

Além do NIMH e da Universidade de Minnesota, ele tem passagens pelo US Army Medical Services Corps, pela Universidade da Flórida, pela Universidade de Giessen e Universidade de Tubingen, na Alemanha. Conhecido por sua pesquisa sobre a psicofisiologia da emoção e pesquisa translacional na psicopatologia dos transtornos de ansiedade, Dr. Cuthbert manteve-se ativo em seu campo, servindo como editor associado para Biological Psychiatry and Current Opinion in Psychiatry e publicando mais de 100 artigos, capítulos de livros ou comentários, para não mencionar vários aplicativos de software de computador.

Suas realizações e contribuições foram reconhecidas por seus colegas, que o elegeram presidente da Society for Psychophysiological Research em 2004 e membro da Association for Psychological Science em 2009.

Comments are closed.