Curso 09: Terapia Comportamental no Tratamento da Depressão

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde – OMS, a depressão será, até o ano de 2020, a maior causa de incapacitação para o trabalho em todo o mundo. O XXXV Congresso Brasileiro de Psiquiatria – CBP tem um curso específico sobre o tratamento desta doença, que já é chamada de “o mal do século XXI”: o curso 09, “Terapia Comportamental da Depressão”.

A atividade será coordenada pelo psiquiatra Francisco Lotufo e tem como objetivo principal a apresentação de conceitos básicos e modelos de trabalho que a terapia comportamental, principalmente a análise do comportamento, oferece para o tratamento da depressão. O curso tem como público alvo médicos e não-médicos, abordando temas como a terapia analítico-funcional, a introdução à análise do comportamento, a terapia de aceitação e compromisso, além de técnicas comportamentais para tratamento da ideação suicida.

Doutor em Psiquiatria pela Universidade de São Paulo (USP), o psiquiatra explica que a importância do curso durante a programação do CBP está na oportunidade de aprofundamento acerca do tema. “Os cursos permitem recebermos formação com começo, meio e fim o que permite estabelecer um conhecimento mais sólido sobre um assunto de interesse”, declara o Dr. Lotufo.

Sobre o tema de sua atividade, o médico explica que “a Terapia Comportamental, na sua modalidade Análise do Comportamento permite a compreensão do processo depressivo de uma pessoa em seu contexto de vida. Permite detectar as circunstâncias que contribuíram para o desencadear do processo e o que pode ser feito para saná-lo”. Ainda de acordo com o Dr. Lotufo, este tipo de terapia também oferece uma série de técnicas que podem ser usadas no ambulatório, em associação com o tratamento farmacológico, estando em diálogo constante com as neurociências.

Participe do o curso 09, “Terapia Comportamental da Depressão”, que acontece no dia 28 de outubro (sábado), das 8h às 12h. Clique aqui e inscreva-se em mais uma atividade de atualização científica em psiquiatria.

Comments are closed.